Google News

Associações brasileiras de imprensa pressionam Rússia por libertação de repórter americano 


  • Opinião NF
  • 07 de Abril de 2023 | 09h12
 Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT), a Associação Nacional de Editores de Revistas (ANER) e a Associação Nacional de Jornais (ANJ) assinaram carta enviada nesta quinta-feira (6) ao Embaixador da Rússia no Brasil, Alexey Kazimirovitch Labetskiy, pedindo a libertação imediata e incondicional do repórter Evan Gershkovich, que trabalha para o The Wall Street Journal, preso mediante alegações infundadas de espionagem contra ele.

Na carta, as três associações lembram que Gershkovich é um cidadão norte-americano e tem uma longa carreira como jornalista. O documento destaca ainda que o jornalista está baseado em Moscou há vários anos, é credenciado pelo Ministério das Relações Exteriores da Rússia e tem coberto notícias russas como parte de uma equipe de correspondentes na capital russa. 

ABERT, ANER e ANJ pedem que, em primeiro lugar, o repórter seja autorizado a manter comunicações com sua família e que seu acesso a um advogado de defesa fornecido por seu empregador continue sendo garantido. "A detenção injusta e injustificada de Gershkovich representa uma escalada nas ações do governo contra a imprensa", afirmam as entidades. "Com este gesto, a Rússia envia uma mensagem clara de que o jornalismo dentro de suas fronteiras é uma atividade criminosa e que os correspondentes estrangeiros que desejam fazer reportagens da Rússia não merecem a proteção legal de seus direitos".

A carta enviada hoje à Embaixada da Rússia no Brasil faz parte de um movimento coordenado pela Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP, na sigla em espanhol) em busca da soltura do jornalista.

Antes, a ANJ já havia assinado, ao lado de outras associações e organizações de imprensa de vários países, petição do Comitê para Proteção dos Jornalistas (CPJ), também solicitando a libertação imediata de Gershkovich, publicada na edição de fim de semana The Wall Street Journal. A carta foi endereçada ao embaixador russo nos Estados Unidos, Anatoly Antonov.

 

 

ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE JORNAIS

Seja o Primeiro a Comentar

Comentar

Campos Obrigatórios. *