Instalada a CPI dos Óbitos de recém-nascidos no Hospital da Mulher em Cabo Frio

Nos últimos dois meses de 2018, dez crianças recém-nascidas vieram a óbito no Hospital da Mulher de Cabo Frio


21 de Março de 2019 | 15h00

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) instalou, nesta quinta-feira (21/03), a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) destinada a investigar a morte de nascituros e recém-nascidos que ocorreram no Hospital da Mulher, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do estado, e propor melhorias no sistema de saúde pública, em especial, no atendimento ao público feminino. A comissão será presidida pela deputada Renata Souza (Psol), e terá como vice-presidente a deputada Martha Rocha (PDT), além da deputada Enfermeira Rejane (Pc do B) como relatora.

Nos últimos dois meses de 2018, dez crianças recém-nascidas vieram a óbito no Hospital da Mulher de Cabo Frio, sendo duas somente na última semana. "É uma CPI que traz a urgência do parlamento em falar da saúde da mulher, então a gente precisa que o Estado se responsabilize e proponha políticas públicas que atendam aos anseios das mulheres", destacou a deputada Renata.

Ainda compõem a comissão como integrantes efetivos, os deputados Renan Ferreirinha (PSB), Sub Tenente Bernardo (Pros), Max Lemos (MDB), e Doutor Serginho (PSL). Como suplente os deputados Flávio Serafini (Psol) e Dani Monteiro (Psol). A comissão irá se reunir às segundas-feiras, às 10h, na sala 311 do Palácio Tiradentes.


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.