Google News

Aliados da base ameaçam desembarcar do governo Wladimir


  • Opinião dos Jornalistas
  • 05 de Março de 2024 | 09h45
 Foto: Arte NF Notícias
Foto: Arte NF Notícias

Vereadores e lideranças da base do governo Wladimir Garotinho estão insatisfeitos com algumas movimentações políticas que estão sendo realizadas pelo chefe do Executivo, tudo isso faltando alguns meses para o pleito eleitoral. O prefeito busca a reeleição, mas, parece se preocupar com outros assuntos.

Como informado pelo NF Notícias nessa segunda-feira (04), visando fortalecer a eventual candidatura a vereador de Dudu Azevedo, Wladimir vem seduzindo cabos eleitorais importantes dos vereadores que caminharam lado a lado durante os quatros anos de mandato para ajudar o amigo e sócio em uma produtora de eventos.

Com isso, vereadores e até mesmo suplentes, ameaçam desembarcar do governo, inclusive já recebendo contato e fazendo reuniões com membros da família Bacellar. Segundo fontes ligadas ao NF, três vereadores, alguns suplentes e cabos eleitorais já tiveram uma conversa com o grupo Bacellar e estão a um passo de pular o muro.

Há de se dizer que o muro está baixo para alguns aliados de Wladimir. Não só a retirada dos cabos eleitorais que está deixando boa parte dos governistas insatisfeitos. Alguns acordos que não foram cumpridos estão sendo também ponto chave para a insatisfação de parte do grupo.

Fora dos bastidores, um pequeno exemplo dessa insatisfação foi o vídeo publicado pelo vereador Bruno Pezão na tarde dessa segunda (04). O parlamentar foi até uma praça em Goitacazes, na Baixada Campista e mostrou o péssimo estado do local, ressaltando ainda a crescente da dengue no município. Pezão alega que fez diversas solicitações para a secretaria de Limpeza Pública e nenhuma foi atendida e prometeu limpar o local nesta terça com meios próprios.

Até as eleições, muita coisa pode mudar. Assim como vinculamos que nomes podem sair da situação e fechar com a oposição, pode acontecer o contrário. Assim também o chefe do Executivo ter a habilidade e não perder políticos que estão juntos desde o início da gestão por pura vaidade.

Seja o Primeiro a Comentar

Comentar

Campos Obrigatórios. *