Campanha site

Vídeo: servidores do Detran paralisam atividades em Campos

Eles pedem melhorias de trabalhos


  • Geral
  • 23 de Junho de 2022 | 10h23
 NF Notícias
NF Notícias

Servidores do Detran-Campos realizam uma paralisação de 72 horas, a contar nesta sexta-feira (23), devido às más condições de trabalho e estrutura dada aos funcionários e ao público, além de planos de cargo e salários.

— Devido as constantes tentativas de acordo com o governo do estado que não foi cumprindo. Há 3 meses nós chegamos a nos reunir com o tribunal de justiça e as condições passadas foram aceitas pela categoria, incluindo também que o Detran cumprisse com as partes que lhes cabem — disse Alan, funcionário do Detran para o NF Notícias.

O homem destacou ainda segundo informado, o Detran não seguiu todas as normas determinadas.

—Há duas semanas nos reunimos com a justiça porque iríamos parar novamente e foi feito um novo acordo. E estava vinculado nessa quarta, o envio do nosso plano de cargos e salários, além das melhorias de estrutura para Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), o que não feito — explicou.

Os atendimentos marcados serão reagendados sem custo para o público. Cerca de 30% do efetivo segue trabalhando, como determina a lei.

Em nota, o Detran informou que:

O departamento esclarece que existe um acordo judicial com o sindicato, em vigor, definido em audiência de conciliação no Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro. A audiência foi realizada no último dia 13/6, em sessão com o presidente do TJRJ, Henrique Carlos de Andrade Figueira.

Diante do anúncio de paralisação por parte do Sindetran, mesmo com o Detran.RJ cumprido a sua parte neste acordo, o TJRJ determinou, judicialmente, em despacho assinado pelo presidente do Tribunal (que segue em anexo), que o sindicato se abstenha da realização da greve a partir do dia 23/6 - "sob pena de multa de R$ 500 mil por cada dia de paralisação" - visto que a greve descumpre uma decisão judicial do próprio TJRJ.

Cabe ressaltar que os salários e benefícios dos servidores estão todos em dia.
O atendimento nos postos está normal, pois a grande maioria dos serviços é realizada por funcionários de empresas terceirizadas.
 Caso algum exame ou serviço não seja realizado, o mesmo será remarcado pelo departamento.

VÍDEO

 

Seja o Primeiro a Comentar

Comentar

Campos Obrigatórios. *