Prefeitura de SJB escoa água do mar no Pontal de Atafona

Famílias afetadas estão sendo assistidas; alerta de ressaca e maré alta permanece


31 de Julho de 2021 | 07h32

Previous Next

A elevação da maré na madrugada desta sexta-feira, 30, em São João da Barra, atingiu 10 casas no Pontal de Atafona. A Defesa Civil Municipal, que mantém o monitoramento de forma permanente do local, prestou atendimento aos moradores e providenciou o escoamento da água desde a madrugada, em um trabalho conjunto com as secretarias municipais de Agricultura, de Meio Ambiente e Serviços Públicos e de Assistência Social e Direitos Humanos.

O alerta da Defesa Civil para que banhistas e surfistas evitem o mar continua. A previsão da Marinha é que a ressaca continue até noite deste sábado, 31, mas as ondas devem continuar altas, podendo chegar a cinco metros, pelo menos até segunda-feira, 2. Também permanece o alerta de frio até segunda-feira. A temperatura mínima pode chegar a 15 graus.

A Secretaria Municipal de Pesca e a Defesa Civil Municipal mantêm a orientação para que as embarcações não sigam para o mar durante o período de ressaca e maré alta. A Estação Costeira de Apoio Marítimo (Escoan) emite três avisos por dia.

A secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Carla Caputi, esteve no Pontal de Atafona na manhã desta sexta-feira e conversou com as famílias que tiveram as casas invadidas pela água do mar. A Prefeitura fez a doação de cestas básicas e assistentes sociais cadastraram moradores em programas sociais. 

— Nossa equipe está desde ontem (quinta-feira, 29) acompanhando a situação dos moradores afetados pela ressaca e maré alta no Pontal. Alguns não estavam cadastrados em programas de distribuição de renda e estamos cuidando de toda a documentação — disse a secretária Carla Caputi.

Fonte: Ascom SJB


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.