OMS diz que pandemia só vai acabar quando os governos "decidirem agir"

A declaração foi feita pelo o diretor da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus


30 de Julho de 2021 | 15h24

O diretor geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou, na manhã desta sexta, 30, que o mundo já tem todas as ferramentas para tratar a covid-19 e alertou que a pandemia vai terminar quando os governos decidirem agir.

“Está nas nossas mãos. Apesar disso, os casos e mortes seguem aumentando. Em média, tivemos uma alta de 8% nos casos ao redor do mundo, muito por conta da variante Delta, que foi detectada em 132 países”, disse.

Segundo ele, o uso inconsistente das medidas de proteção, a retomada da rotina normal e a pouca distribuição de vacinas são algumas das razões para o novo surto de casos e surgimento de variantes.

Os diretores voltaram a pedir um esforço coletivo de todos os países, principalmente os mais ricos, para melhorar a distribuição dos imunizantes. A entidade acredita que não será possível vacinar nem 10% da população do continente africano até o final do ano.

“A questão não é se o mundo pode fazer o investimento de vacinar toda a população, mas se pode não fazê-lo”, completou Ghebreyesus.

Fonte: O Dia 


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.