Vídeos: Após vídeo, jovem consegue arrecadar dinheiro para compra da órtese em Campos

Alessandro Oliveira perdeu a força de uma das pernas depois de ser baleado em SJB


01 de Março de 2021 | 13h26

Previous Next

No último dia de carnaval de 2019, em um domingo de clássico carioca entre Vasco e Flamengo, o adolescente Alexandre Oliveira, então com 16 anos, saiu da casa de sua avó com um amigo, em Grussaí, e seguiria para São João da Barra, onde iria assistir ao jogo e curtir os blocos.

Ao sair da praia sanjoanense, os amigos foram abordados por um homem que carregava um pedaço de madeira e estava sujo de sangue. Ele questionou os rapazes sobre os mesmos haviam visto um carro branco. 

Antes mesmo de qualquer resposta dos amigos, esse mesmo carro branco apareceu e um homem que estava no veículo desceu e começou a atirar.

Alessandro, que não tinha nada haver com os homens, foi atingido primeiro no braço e ao virar para correr, levou um tiro na coluna.

Começava ai a luta do jovem pela vida. Alessandro passou por três cirurgias e acabou perdendo um rins. O tiro afetou o lado direito do rapaz e uma perna acabou perdendo as forças.

Alessandro então iniciou uma campanha para arrecadar R$ 7 mil reais para a compra de uma órtese, um aparelho de uso provisório que permite alinhar, corrigir ou regular uma parte do corpo.

O jovem, hoje com 18 anos, vinha tentando juntar todo o dinheiro necessário desde então. Até que um amigo do tio dele e locutor conhecido de Campos, gravou um vídeo no último dia 27, pedindo ajuda para Alessandro.

Em menos de 48 horas, o vídeo viralizou nas redes sociais e a corrente de solidaridade se espalhou pela cidade, fazendo com que a meta pedida fosse alcançada nesta segunda-feira (1º).

Alessandro conversou com o site NF Notícias e agradeceu a todos que compatilharam e ajudaram na divulgação e aqueles que realizaram doações.

— Eu só sei dizer muito obrigado. Que Deus abençoe sempre e meu objetivo agora é treinar bastante para voltar como eu era antes, mas com a cabeça mudada — disse. 

O jovem agora precisa de adaptações em casa para o uso da órtese, como acessibilidade no banheiro por exemplo. Quem quiser ajudar, pode acessar o intagram do jovem  para mais informações.

Confira os vídeos contando a história de Alessandro e o desfecho feliz desta história.

 

 

 


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.