Wladimir se reúne com Siprosep e diz que falta de informações da prefeitura poderá afetar pagamento

A presidente do Siprosep diz que está na direção da entidade há cinco meses e até o momento não teve nenhum diálogo com o prefeito Rafael Diniz


04 de Dezembro de 2020 | 17h16

O prefeito eleito Wladimir Garotinho esteve nesta sexta-feira (04) no Sindicato dos Profissionais Servidores Públicos Municipais (Siprosep) se colocando à disposição dos servidores e reafirmando a preocupação em relação à falta de repasse de informações sobre a situação econômica e financeira da prefeitura.

Wladimir Garotinho explica que a negativa do prefeito Rafael Diniz em iniciar a transição de governo poderá afetar o pagamento dos servidores nos primeiros meses do ano, já que ele entrará na prefeitura totalmente “às escuras”.

- A minha equipe de transição não tem acesso a nenhuma informação oficial da prefeitura, o que dificulta muito nosso trabalho de organização prévia das contas. Estou muito preocupado com isso e, caso essa transição não aconteça dentro de um tempo hábil, os servidores correm o risco de não terem seus salários de janeiro pagos em dia – acrescenta Wladimir Garotinho.

A presidente do Siprosep, Elaine Leão, diz que está na direção da entidade há cinco meses e até o momento não teve nenhum diálogo com o prefeito Rafael Diniz, o que espera que não aconteça a partir de 2021 com o governo Wladimir Garotinho.

- Estes últimos quatro anos foram muito difíceis para o servidor público, especialmente para aposentados e pensionistas que, neste período de 4 anos, não teve sequer um 13º salário pago de forma integral, todos eles parcelados, além do pagamento mensal. A abertura deste diálogo a partir de agora é muito importante para todos nós servidores - finaliza a presidente do Siprosep.

Fonte: Ascom


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.