Lazaroni vê "falta de tranquilidade" como decisiva em tropeço do Botafogo

Glorioso não saiu do zero contra o Goiás no Nilton Santos


20 de Outubro de 2020 | 10h59

Após uma sequência positiva que o tirou da zona do rebaixamento, o Botafogo volta a viver instabilidade no Brasileiro. Nesta segunda-feira, a equipe não saiu do zero contra o Goiás, no Nilton Santos. Na opinião do treinador Bruno Lazaroni faltou tranquilidade ao time.

"Infelizmente tivemos praticamente o dobro de finalizações do adversário, 23 contra 12, tivemos 11 escanteios, 22 bolas cruzadas na área, mas faltou em alguns momentos ganhar os duelos individuais e um pouco de tranquilidade também. Tivemos cinco chances claras, o goleiro do Goiás esteve muito bem na partida. Faltou também preencher a área nessas situações de cruzamento com mais jogadores", disse.

O resultado foi muito lamentado, porque o Goiás está na última colocação no Brasileiro e era considerado o adversário ideal para o Botafogo se reabilitar, após a derrota para o Grêmio, em Porto Alegre.

"O Goiás vive um momento ruim, temos muito a lamentar com esse empate. Todos saímos insatisfeitos, mas só nos resta trabalhar", afirmou Bruno Lazaroni.

Fonte: ODIA


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.