Em meio a notícias, Benfica não avança em interesse, e medalhões ficam no Flamengo

Diretoria rubro-negra não vê possibilidade de os portugueses pagarem a multa rescisória


30 de Julho de 2020 | 15h14

O acerto de Jorge Jesus com o Benfica despertou em parte da torcida do Flamengo o temor de que o clube português levasse também alguns dos principais jogadores, como Bruno Henrique e Gerson. Em meio às notícias e boatos na imprensa portuguesa, nenhuma proposta oficial ou assédio de fato que façam com que a diretoria tema perder alguns dos medalhões.

No momento da saída de Jesus, aconteceram, sim, conversas informais sobre a situação de Bruno Henrique, Gerson e outros. Mas desde então ficou claro no papo reto: qualquer jogador só sairia mediante pagamento integral da multa. A de Bruno, por volta de R$ 30 milhões de euros (cerca de R$ 180 milhões na cotação atual), e a de Gerson cerca 70 milhões de euros (cerca de R$ 420 milhões).

O clube português não chegou nem mesmo a cogitar algo nesse valor, apesar de alguns empresários terem ficado alvoroçados quando jornais portugueses noticiavam seguidamente possível interesse do Benfica.

O vice de futebol Marcos Braz tem bom e amistoso relacionamento com o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira. No desfecho pela saída de Jesus e já com alguns nomes de jogadores do Flamengo no noticário do clube português, Braz inclusive teria brincado dizendo que ele já levara o treinador e que parasse de ficar de olho em atletas.

A partir daí, uma espécie de política de boa vizinhança se firmou entre Flamengo e Benfica, e nada evoluiu.

Quarta-feira, Bruno Henrique utilizou sua conta no Twitter para ironizar uma publicação portuguesa que dizia que ele deseja de atuar pelo do Benfica. Com direito a interação com Marcos Braz. O atacante sente gratidão pelo fato de o clube ter antecipado a renovação de seu contrato até dezembro de 2023 e ter equiparado seu salário ao dos maiores do elenco.

Fonte:GE


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.