Acesso ao município de São João da Barra é restringido

Medida, publicada por Decreto nesta segunda-feira, restringe a entrada de veículos e ocupantes originários de cidades onde há casos de coronavírus


06 de Abril de 2020 | 11h50

São João da Barra publicou nesta segunda-feira (6), mais um decreto (045/20) intensificando as medidas relacionadas ao coronavírus. Até o dia 19 de abril está restringida a entrada no município de veículos com registro de licenciamento, assim como seus ocupantes, originários de cidades com casos confirmados da doença. 

Também está proibida, no período de 8 a 12 de abril, a entrada de veículos de transporte de passageiro por aplicativo; transporte público intermunicipal; transporte individual de passageiros - Táxi.

O controle será feito em barreiras fixas e móveis nas vias de acesso ao município, monitoradas pelas secretarias municipais de Saúde e de Segurança Pública. Na ação será verificado, também, o estado de saúde e prestada orientação e prevenção aos ocupantes do veículo.

A exceção para os veículos com licenciamento de outras cidades será, de acordo com o Decreto, para os condutores que comprovarem residência ou trabalho essencial em São João da Barra, veículos de transporte de gêneros alimentícios, combustíveis, produtos medicinais, de serviços de encomendas e outros de caráter essencial, além de carros oficiais: ambulâncias, resgates e viaturas e veículos de interesse público.

Para comprovar residência no município poderão ser apresentados título de eleitor; comprovante de residência, emitido por concessionária de serviços públicos, com prazo superior a 90 dias; escritura pública do imóvel ou contrato de locação pactuado há mais de 90 dias; contracheque ou portaria de nomeação do servidor público municipal; declaração do empregador para colaborador/funcionário que esteja prestando serviço de natureza essencial no Município de São João da Barra.

Profissionais da Saúde, Segurança Pública, Assistência Social e demais atividades essenciais desempenhadas fora deste município terão a entrada autorizada com a devida comprovação.

- Hoje travamos uma intensa luta contra o coronavírus. A adoção de medidas, portanto, se fazem necessárias. São João da Barra é e sempre será acolhedora, mas o momento é delicado e precisamos restringir o acesso ao nosso município para que possamos, em consequência, diminuir o fluxo de pessoas. Peço a compreensão de todos até que isso tudo passe - disse a prefeita Carla Machado.

São João da Barra registrou no domingo, 5, o primeiro caso confirmado da Covid-19. De acordo com o decreto, a situação demanda o emprego urgente de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença no Município. Outro fator em destaque, é a informação de que de 420 (quatrocentos e vinte) trabalhadores estariam retornando para o Complexo Portuário do Açu em 07/04/2020, e, muitos deles, vindos de outros municípios e estados, com casos confirmados de coronavírus.

O município possui atualmente um caso suspeito que, assim como o confirmado, cumpre isolamento domiciliar. Nove casos já foram descartados por meio de exames laboratoriais.

 


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.