Bola na área altera o placar

Bola na área altera o placar

10 de Julho de 2017 | 11h44 - Atualizado em 10/07/2017 11h58

Um dia inesquecível para Toninho, o verdadeiro torcedor


Sentado na arquibancada, com o rosto coberto, o torcedor chorava. Em pé, vibrando, o senhor também chorava. Imagens semelhantes, sentimentos semelhantes, amores semelhantes. A 306 km de Campos, torcedores do Goytacaz Futebol Clube nos fizeram recordar que ainda há vida no futebol, que o esporte respira, inspira.  

A vitória do time da Rua do Gás sobre o Audax-RJ, pela final da Taça Santos Dumont, trouxe de volta o que se espera que qualquer torcedor faça ao ir ao estádio: vestir a camisa! O que vem a partir daí, é consequência. No estádio Moça bonita, teve grito, cobrança, vibração, revolta, sofrimento, ansiedade. Teve sentimento. Sentimento de quem sabe que o futebol não é "apenas" uma partida.  

Um dos personagens da final foi seu Toninho, de 66 anos. Ao ver o Goyta campeão do primeiro turno, nos pênaltis,  a emoção do torcedor veio à tona. Ele transformou a ansiedade em lágrimas. 

"Só quem torce pro Goytacaz sabe, vem do fundo do coração aquela emoção. Aí não dá pra segurar, né?!", diz o torcedor.

Após a vitória do Alvianil, ele não esconde a confiança no elenco montado para a disputa, em 2017. 

"Esse ano eu acho que o Goytcaz montou um time de moral, aguerrido. A gente vê a sinceridade na vibração dos jogadores. Nos outros grupos a gente não acompanhou isso. Esse é o nosso ano", afirma o confiante Toninho.

Dono de uma mecânica em Guarus Toninho garante que as "peças" do Goytacaz não precisam de manutenção.

"O motor tá lubrificado. Só tem algumas engrenagens que estão um pouco enferrujadas (lesões musculares), mas o presidente e o departamento médico já estão agindo pra colocar todo mundo em condições de jogo", brinca o torcedor. 

Se garantir o acesso à elite do carioca em 2017, o Goytacaz Futebol Clube voltará a disputar a série "A" após 25 anos.

VEJA ABAIXO VÍDEO DA COMEMORAÇÃO EMOCIONADA DOS TORCEDORES - VÍDEO: DOZE FUTEBOL

 


Quem Sou

Cleber Rodrigues