05 de Dezembro de 2017 | 15h59

ACIC promove mesa redonda com representantes da Agricultura de Campos

O evento será no próximo dia 13, às 10h, na sala de reunião da instituição


A diversificação agrícola no município de Campos será um dos assuntos a serem abordados na mesa redonda, que a Associação Comercial e Industrial de Campos (ACIC), estará promovendo, no próximo dia 13, às 10h, na sala de reunião da instituição.

Participam da reunião, o professor e pesquisador da Uenf, Alcimar Ribeiro, o superintendente de Agricultura do Município, Nildo Cardoso, o representante da Pesagro, Silvino Amorim e o representante dos pequenos produtores rurais Ricardo Cabral da Cruz.

 De acordo com o presidente da ACIC, José Luiz Lobo Escocard, o objetivo é discutir o assunto e juntos buscarem uma alternativa que venha beneficiar um maior grupo de pequenos produtores que poderão produzir outros tipos de culturas para fomentar a economia no município.

"A pesquisa do professor Alcimar Ribeiro, mostra que nos últimos 40 anos a concentração agrícola na cultura da cana-de-açúcar foi nítida e a retração de sua área colhida, ao longo do tempo, não encontrou culturas substitutivas. Ao contrário, a redução da área da cana-de-açúcar, concomitantemente, com a redução da área recolhida de outras culturas temporária de menor expressão, foi acentuada, destacou o presidente da ACIC.

 Segundo o professor Alcimar, os últimos dados do IBGE mostram que a cultura temporária no município se exauriu no tempo. Dos 492 hectares colhidos (excluída a cana-de-açúcar), 270 hectares foram destinados a mandioca, 210 hectares ao abacaxi, 8 hectares a batata doce e 4 hectares de tomate. "A recuperação do setor depende de um esforço concentrado, sistêmico e com real comprometimento das lideranças locais regionais" concluiu o professor pesquisador.

 

Fonte: Ascom

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.



veja também