20 de Abril de 2017 | 08h58

Casa de Cultura Villa Maria suspende atendimento ao público

Prédio está sem luz e água por causa de um problema na rede elétrica


A Casa de Cultura Villa Maria, administrada pela Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), teve que fechar as portas e suspender o atendimento ao público por causa de problemas na rede elétrica. Desde o último final de semana que o prédio está sem energia elétrica e agora também sem água, porque a bomba não tem como funcionar sem luz.

Segundo a diretora Simonne Teixeira, a concessionária Enel vistoriou o local e teria constatado que o problema não seria proveniente da rede de distribuição da empresa.

“Já comuniquei o fato à Prefeitura da Uenf e estou aguardando uma solução. Minha preocupação é que temos dois eventos agendados para acontecer na Casa, um no dia 26 de abril e outro no dia 6 de maio, mas sem luz eles não terão como ser realizados”.

Simonne disse que a Casa recebe um grande público diariamente. “Além de visita de estudantes, temos uma biblioteca e vário eventos sócio-culturais. O local é muito usado também para filmagens e fotos de casamento”. Em maio do ano passado, a Casa teve a energia cortada por falta de pagamento.

De acordo com a assessoria da Uenf, ainda não há um laudo fechado sobe o problema na rede elétrica. "Uma primeira vistoria feita no local identificou um problema na parte externa do prédio, no para-raio. Uma segunda vistoria será feita para conclusão do laudo”, informou a assessoria. 

 

NOTA DA REITORIA UENF

Esclarecemos que o fechamento temporário da Casa de Cultura Villa Maria ocorreu em virtude da queda de uma das folhas das palmeiras imperiais que compõem o paisagismo da Villa Maria sobre a fiação externa. O fato ocasionou um curto circuito e danos em alguns componentes da rede elétrica. Consequentemente, houve a interrupção do fornecimento de energia elétrica, condição que inviabilizou a abertura da Casa de Cultura Villa Maria na última segunda feira (17).

O problema foi detectado por nossa equipe técnica, em conjunto com a equipe da ENEL, distribuidora de energia, porém sua solução depende do desligamento da rede elétrica de parte dos arredores para o reparo necessário. Como esta área é composta de muitos prédios e estabelecimentos comerciais, é evidente o transtorno que seria causado pelo desligamento durante o período comercial. Desta forma, numa decisão conjunta UENF-ENEL, ficou decidido que o serviço será feito durante o feriado, justamente para que não haja maiores transtornos para a vizinhança.

Provavelmente na próxima segunda feira (24/), até as 12h, o fornecimento de energia elétrica da Casa de Cultura Villa Maria estará normalizado.

Agradecemos a compreensão de todos e em especial à empresa ENEL, que vem dando total apoio à solução deste problema.

 


veja também