Chuva deixa seis mortos no Sul do Espírito Santo

Três mortes foram registradas na cidade de Iconha e outras três em Alfredo Chaves. Buscas por desaparecidos estão sendo feitas nesses municípios.


19 de Janeiro de 2020 | 08h14

A chuva que atinge os municípios do Sul do Espírito Santo desde sexta-feira (17) deixou seis mortos em duas das cidades mais afetadas pela força da água: Iconha, onde três pessoas morreram, e Alfredo Chaves, onde outras três perderam a vida. Os municípios vão solicitar o decreto de estado de calamidade pública.

Até esta manhã, cinco mortes estavam confirmadas. O sexto caso foi informado por meio de coletiva de imprensa dos bombeiros na tarde deste sábado (18). Buscas por desaparecidos estão sendo feitas.

As informações foram dadas pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp). No início da manhã deste sábado, o governador Renato Casagrande foi a Iconha para acompanhar os trabalhos da Defesa Civil Estadual. À tarde, ele seguiu para Alfredo Chaves.

O tenente-coronel Wagner, que é porta-voz do Corpo de Bombeiros, explicou que ainda não foi feita a contabilização oficial de desabrigados e desalojados porque a prioridade das equipes é ajudar e salvar o maior número de pessoas.

"A parte burocrática vai ficar para depois. Nossa prioridade é o salvamento das pessoas, não queremos que ninguém mais morra em virtude dessas chuvas", disse.

 

Fonte: G1


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.