Bebê de dois meses morre com suspeita de chikungunya em Campos

Caso ainda não foi confirmado pela prefeitura


11 de Junho de 2019 | 16h11

Um bebê de dois meses morreu nesta segunda-feira (10), com suspeita de chikungunya, em um hospital particular de Campos. Ainda não há confirmação oficial do caso pela secretaria municipal de Saúde.

Campos apresenta o segundo maior índice no Estado do Rio de Janeiro de infestação do Aedes aegypti. De acordo com dados da Secretaria de Saúde, em 2019 foram registrados mais de 3.800 casos de chikungunya na cidade até maio.

Campos segue com a média de 300 atendimento por dia no Centro de Referência de Doenças Imuno-infecciosas (CRDI).

A equipe de reportagem do NF Notícias entrou em contato com a prefeitura de Campos para ter informações sobre esse possível caso, mas ainda não obteve respostas.


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.