“Operação Artrose”: Homem preso suspeito de fraudar laudos da previdência social

Ação aconteceu em Campos e São João da Barra


16 de Maio de 2018

Um homem foi preso suspeito de integrar a quadrilha que fraudava benefícios da previdência social em Campos, nesta quarta-feira (16/05), na “Operação Artrose”.

De acordo com a Polícia Federal, o investigado tem artrose grave no joelho e passava por exames médicos de imagem se passando pelos clientes da quadrilha, que não tinham nenhum problema de saúde. Com a constatação da doença, os laudos dos exames “falsos” eram emitidos e os criminosos usavam nas perícias do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para conseguir benefícios por incapacidade fraudulentos.

Além desse mandado de prisão, os policiais com o apoio da Coordenação de Inteligência Previdenciária (COINP), comprimiu quatro mandados de busca e apreensão em Campos e no município de São João da Barra. A ação é um desdobramento da "Operação Cardiopatas", realizada em dezembro do ano passado e que identificou um prejuízo de mais de R$ 11 milhões à Previdência Social.

 

Fonte: Redação


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR


* Publicação sujeita a moderação;
** Evite a utilização de termos grosseiros e xingamentos através de palavras de baixo calão;
*** Comentários com conteúdo ofensivo e propagandas serão devidamente ignorados.